Home / Bem Estar / Você sabe qual é a diferença entre GRATIDÃO E OBRIGADO?

Você sabe qual é a diferença entre GRATIDÃO E OBRIGADO?

Qual a diferença entre sentir Gratidão e dizer Obrigado? Vamos lá …

A origem da palavra obrigado como forma de agradecimento vem do latim obligatus, particípio do verbo obligare, ligar, amarrar. É a forma abreviada da expressão fico-lhe obrigado, ou seja, fico-lhe ligado pelo favor que me fez.

Quando nos tornamos devedores de outrem por serviço que nos foi prestado, criamos um elo de ligação, mesmo que momentâneo.

Já a gratidão vem do latim “gratia”, que significa literalmente graça, ou gratus, que se traduz como agradável. Significa reconhecimento agradável por tudo quanto se recebe ou lhe é reconhecido. É uma emoção, que envolve um sentimento e, portanto, não há obrigações, ligações ou amarrações. (Fonte antroposofy)

Por que nós brasileiros dizemos “obrigado” ao invés de “agradecido ou grato”?

 

Somos educados a dizer a palavra OBRIGADO, ou pior ainda, MUITO OBRIGADO, quando na verdade queremos dizer apenas a palavra GRATO ou AGRADECIDO.

Obrigado, obrigada, agradecido, grato, thank you, gracias, merci, grazie, danke!

De onde vem o “obrigado”? e como é que passamos de “Estou agradecido” a “Muito Obrigado”?

A palavra “obrigado” vem do verbo obrigar. E seguindo a lógica, quando uma pessoa se sente agradecida pelo gesto de outra, sente também a obrigação de agradecer. Ao receber uma ajuda, o ajudado sente-se obrigado a devolver a ajuda recebida.

Mas o que é melhor, dizer? AGRADECIDO ou OBRIGADO? Cada palavra deve ser utilizada na devida situação.

“Eu estou agradecido” ou “Eu estou grato” deve ser utilizado em um momento onde estamos recebendo um serviço pelo qual estamos pagando, e nada deveremos pelo favor. Ou em coisas corriqueiras dentro de casa. – Mãe, traz um copo de água para mim? Ela traz a água e eu digo: – Grato Mãe!

A gratidão é o reconhecimento de uma pessoa por alguém que lhe prestou um benefício, um auxílio, um favor, um serviço, mas, sem a obrigação de retorno, afinal, já pagamos pelo serviço ou somos irmãos atuando uns pelos outros.

A gratidão é uma emoção que envolve um sentimento de alegria e graça e até quem sabe, uma emoção positiva em direção à outra pessoa. O próprio agradecer é como uma benção de boas energias que são a paga pelo serviço prestado. Uma paga de amor em forma de energia.

A palavra “obrigado” vem do latim, “obligatus” particípio do verbo obligare, ligar, amarrar.

Esta palavra é usada quando se quer dizer a alguém que se sente obrigado a retribuir um favor que lhe foi prestado. Conota uma sensação de obrigação, um condicionamento, algo que deve ser pago, retornado ao emitente.

“Estou obrigado” ou “Muito Obrigado”, só devemos dizer isso, quando conscientemente queremos reencontrar aquela pessoa e pagar na mesma moeda, devolvendo-lhe o favor ou algo similar.

Quando agradecemos dizendo: OBRIGADO, a alguém, estamos dizendo na verdade, que nos sentimos obrigados para com a pessoa, isto é, que passamos a ter uma obrigação para com o outro.

Criamos um elo que um dia terá de ser resgatado! Como vemos, o simples OBRIGADO, implica um “fico-lhe devendo”, “tenho uma obrigação para com você”. Os ingleses fazem algo parecido, quando dizem “I am obliged to you for …”. O brasileiro quando quer pagar pelo favor, diz “Te devo uma”.

 

Entendeu a diferença?

 

Um abraço.

Leia Também:

Neurocientista de Harvard Comprova: Meditação não apenas reduz o estresse, mas também muda fisicamente o seu cérebro.

Neurocientista de Harvard Comprova: Meditação não apenas reduz o estresse, mas também muda fisicamente o …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

error: Conteúdo Protegido!